quinta-feira, 22 de setembro de 2016

O dia das contradições




Eu sou o futuro do incerto
O oposto do talvez
A contradição do contraditório
Sou o contrario do que dizem
E o oposto do que pensam
Sou o confuso do inconfundível
A certeza do impossível
Sou o louco da lucidez
A lucidez de um louco





Sou o eu de mim mesmo
O dono das minhas idéias
O contrário do que você pensa
E a certeza de quem sou eu
O equilíbrio do desequilibrado
A voz da minha mente
Sou o cara aí de cima
Sou eu mesmo a falar.

                      Vinicius.





1 comentário:

  1. Nossa! o que você faz da poesia!

    Mell & Claudia

    ResponderEliminar